6.12.2007

O Silêncio

Nada é tão vazio que o silêncio profundo.
Nada pode ser mais medíocre que a vontade de querer ouvir na quietude do silêncio, nós carecemos dele, somos movidos pelo ruído, pelo barulho.


Mas derrepente, ao desligar tudo – oh!!! como é difícil desligar tudo!!!alguém já tentou se desligar? Tentar dormir sem qualquer barulho? Tentar trabalhar sem nenhum ruído? Tudo quieto, silêncio total – impossível.
A gente vive numa sociedade movida por máquinas que fazem barulhos, a calculadora, o computador, o carro, o dvd, o rádio, o telefone – eu ouço tanto o toque do telefone!o ar condicionado, o ventilador de teto, as vozes no corredor, o homem nasceu para essa missão, não deixar que tudo pare.
Acredito que nos acostumamos tanto a essa rotina, que ao fecharmos os olhos, num lugar sem nenhum barulho se quer, sem uma música, sem o vento, começamos a ouvir coisas.
Coisas que desejamos, coisas que não queremos, coisas do coração, da mente, banais ou importantes, sonhos, devaneios, precisamos fazer barulho, barulho é trabalho, trabalho é o que dignifica o homem.

É por isso que o silêncio é ensurdecedor.
A música de hoje:
.......
Amar não é ter que ter sempre certeza É aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém É poder ser você mesmo e não precisa fingir
....
Mas quando penso em alguém é por você que fecho os olhos Sei que nunca fui perfeito, mas, com você, eu posso ser até eu mesmo, que você vai entender Posso brincar de descobrir desenhos em nuvens Posso contar meus pesadelos e até minhas coisas fúteis

Você está ouvindo O QUE EU TAMBÉM NÃO ENTENDO de Jota Quest, autor dessas estrofes.
Hoje é aniversário de papai. Ele está no pará foi tentar aposentar-se por lá. Faz hoje 68 anos, 12/06/39.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.