10.29.2007

E foram felizes para sempre.

29 de outubro de 2007


E foram felizes para sempre.

Este é o final dos contos de fadas que costumei ler na infância.

As vezes acho que os casamentos de hoje tem o lema “felizes enquanto eu não tenho outro desejo”. Parecem desejos, tipo assim: - Agora quero me casar e ter filhos.

  • Agora quero ter uma esposa jovem e bonita.

  • Agora quero ter minha liberdade e minha independência e viver minha vida.


Porque os casamentos de hoje tem dias contados? É raro durar mais de 7 anos. Há um tempo atrás, facilmente viam uniões duradouras, hoje não, virou causo de novela. Não é uma crítica, é que eu quero me casar um dia, um dia que meu príncipe aparecer, mas a minha mãe já falou:

  • Iara esqueça os príncipes, eles não existem, procure logo pelo sapo cururu.

Mas aí eu fico me questionando, adoro questionamentos, pra que se casar? Posso ter filhos e uma casa sem precisar de marido.

Claro que o politicamente correto é me casar a igreja e nunca mais me separar, mas me pergunto, eu de novo questionando, não você, questiono eu, tá bom questiono você também, Deus quer ver uma mulher ou um homem infeliz? Mal amados, mal humorados, irritantes, sem vida social?

Free Image hosting by ImageSnap
É dessa foram que ficam os casais que não se querem mais.


Minha visão é que as pessoas precisam não apenas ser felizes, elas precisam se sentir e transmitir felicidade.

Gente eu escrevi quatro textos pra sair esse, e o pior é que esse não era o tema pra escrever hoje. Que doideira.

Pra quem quiser ouvir: Felicidade com Fábio Jr. Essa música é muito bonita.

Beijos.


Obs: Uma vez Flamengo, sempre Flamengo, Flamengo eu sempre hei de ser, é o meu maior prazer, vê-lo brilhar, seja na terra, seja no mar, vencer, vencer, vencer.


0 Comentários:

Postar um comentário

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.