8.05.2009

Amar por Fernando Pessoa

Para viver a dois, antes, é necessário ser um.

Se perder um amor... não se perca! Se o achar... segure-o!

Mas ao que nada espera tudo que vem é grato.

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.

É fácil trocar as palavras, difícil é interpretar os silêncios!

Viver não é necessário; o que é necessário é criar.

Nunca amamos ninguém. Amamos, tão-somente, a ideia que fazemos de alguém.
Sem tirar-te a liberdade, sem jamais te sufocar.
Sem forçar tua vontade. Sem falar, quando for hora de calar. E sem calar, quando for hora de falar.

Há duas formas para viver a sua vida: Uma é acreditar que não existe milagre.
A outra é acreditar que todas as coisas são um milagre.

Deus costuma usar o silêncio para nos ensinar sobre a responsabilidade do que dizemos.

Separados são fragmentos, juntos fazem todo sentido.
Adoro Pessoa, beijos a todos.

7 comentários:

  1. Este eu não conhecia e é profundamente verdadeiro!

    Beijinhos, menina!

    ResponderExcluir
  2. Ave Pessoa! Bjus.

    http://contesta-acao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei tua junção de dizeres flor!
    Pessoa era sábio , sorte nossa ter acesso a essa sabedoria.

    Bjs saudosos Iara.

    ResponderExcluir
  4. Tenho medo do amor, pois ele destrói...

    ResponderExcluir
  5. Só se reconhece o amor verdadeiro quando se ama de verdade, do contrário, se troca de amor todos os dias, achando que todos são verdadeiros. Beijus

    ResponderExcluir

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.