8.13.2007

Eu aprendi que algumas vezes tudo o que precisamos é de, uma mão para segurar e um coração para nos entender

Ola,


Sou uma apaixonada por artes e palavras bem ditas e bem escritas, escrita exatamente da forma que sentimos que foi feito pra gente naquele momento, mesmo que escrito há 300 anos.
Escrever com o coração é um dom, é uma arte, poucos escritores tem essa dádiva. Poucas pessoas conseguem em uma linha dizer tudo aquilo que precisamos.


Shakespeare é um dos meus preferidos, as histórias por mais trágicas, são tão reais que parecem imaginação, Nelson Rodrigues, Luiz Fernando Veríssimo, Pessoa, Quintana, Drumond, Camões, Camilo Castelo Branco, Chaplin, Machado de Assis, poderia ficar citando vários.

- Questiono Daniel e André :

  • Mas porque será que os grandes escritores só surgem em épocas de perseguições, guerras, conflitos, tirania???
  • Porque será que os escritos há 150 anos, ainda são tão reais como se fossem feitos para nós, nesse momento?


Convido os amigos a visitarem os blogues dessas simpáticas moças, gostei muito dos textos delas:

Obs: detesto este girassol aí de cima, pq?procure pelo significado de girassol e saberá, mas não consigo retirá-lo daí. A frase do título é de Shakespeare, atual não é??

A música que tá rolando me deixa introspectiva, mas é linda a canção, me deu inspiração pra escrever hoje.

Beijos.

------------------------

0 Comentários:

Postar um comentário

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.