3.12.2008

desabafo


Oi gente,
ontem fui ao médico levar os exames que fiz (tratamento para perda de peso – informação util aos mais desavisados).
Como voces falaram aqui (vou começar a dispensar medicos...rsrsrs) minha saúde está ótima, disse a médica, nada anormal..que merecesse um aviso especial.
Ela disse assim: “voce precisa parar de comer carne seu acido urico esta alto, você deve ter dores nas articulações, é causado por isso.”
Acho que foi só isso.

Ela me deu uma dieta alimentar, nada de anormal..pode comer de tudo um pouco, so que tem que ser de pouquinho, e de 3 em 3 horas, fazer atividade física 4 vezes na semana.
Foi esquisito acordar cedo e preparar meu café da manhã, nunca em toda minha vida eu fiz isso.
Quando eu era pequena eu morava na roça e meus pais me levava junto com eles pro batente, eu almoçava 10 da manhã e tomava café: arroz com feijão.

Quando eu cresci eu merendava na escola..era as 9 da matina então..nem sentia fome.
depois eu cresci mais um cadinho e comecei a trabalhar..de domestica eu tomava café depois que a patroa comia, normalmente é café preto e pão e so isso, empregada não come da comida da patroa.
Passado isso, continuei com a rotina, eu durmo muito tarde, então eu acordo no tempo exato pra tomar banho, me arrumar e pegar o busão. Sempre foi assim.

Aí eu tomo a garrafa de café a manha toda, almoço as 12 h e pronto. Quando a fome bate, eu como um pão de queijo as 9 horas.
Então, levantar, beber um copo de leite, comer pao calmamente, comer uma fruta, depois ir pro trabalho foi muito estranho, vamos ver até quando eu conseguirei fazer isso, sou muito hiperativa, não fico parada nem pra comer.

A sensação que tive ao sair do consultório foi de total decepção e desamparo, não sei explicar o que é, só sei que queria chorar. No consultório da médica, eu me senti estranha, como se eu fosse apenas mais uma ansiosa, sem personalidade, com baixa estima e que não transa há um bom tempo, vi isso nos olhos daquela médica, na única vez que ela me olhou.

Bem, ela também me receitou um calmante, diga-se de passagem caaaro pra xuxu o remedio é esse daqui.. se chama RECALM 215 mg, ela me perguntou se eu comia compulsivamente eu disse que não, quando fico nervosa eu disparo a comer doces e massas em geral, ou eu ficava sem almoçar e na janta comia uns dois pratos de arroz e carne. Então me disse que depois de 30 dias eu reotorno pra dizer se eu estava conseguindo manter a dieta certinha ou não, foi basicamente isso a consulta.

Sem respostas. Sem perguntas. Apenas triste, eu queria chorar agora..

Um comentário:

  1. Oi Iara
    fui procurar informações sobre o recalm e vim parar no seu blog.
    muito legal!!!
    gostei da forma como vc posta os comentários.
    sabe, minha opinião é que a vida tem nos tornado hiperativas, muitas coisas para fazer.
    penso também que vc não deve se frustrar com a médica. no fundo eles estão lá para analisar
    sintomas e receitar. uma hora dessas vc encontra um (a) médico (a) que possa confiar e tenha o retorno esperado.
    nessa minha busca incessante, percebo que realmente alguma atividade física ajuda,
    tb é importante ter um apoio espiritual. não interessa se vc vai a igreja ou ao candomblé, mas algo que vc se apegue e que sinta que lhe dá forças.
    ultimamente tenho me encontrado na filosofia seicho no ie. vou as reuniões e filtro o que concordo. o que não concordo, tento deixar de lado.
    era isso...
    li seu comentário e deu vontade de escrever. muita luz para vc, sorte e que vc ache sua alma gêmea.
    até mais.

    ResponderExcluir

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.