15/10/2018

Por que não se pode votar em qualquer cidade?

E aí gente!! já que estamos em tempos eleitorais, vamos falar de um assunto que anda tomando conta dos debates: - Urna Eletrônica.

Eu fico pensando comigo, se as eleições são feitas por urna eletrônica, é computadorizado, é digital, é feito com biometria, então me diz por que necessariamente eu preciso votar na zona e seção que sou cadastrada?



Se colocar minha digital no aparelho biométrico automaticamente mostrará minha seção e zona correto? Então automaticamente é só computar meu voto para aquela seção/zona. Assim não há necessidade da pessoa que não esta na sua cidade não poder votar.
Sério qual necessidade tem?

Não considero voto em cédula de papel mais transparente ou com menos risco de fraude, acho ate pior porque para alguém contar um voto errado é 2 passos, ou no caso sumir uma urna é muito fácil em se tratando de Brasil.

Diante disto, você confia na urna eletrônica?  Eu confio desconfiando muito. Penso assim, o candidato pode não saber em quem eu votei, mas ele pode ter acesso a quem votou nele e saberá que eu não votei, alguem discorda?

Outro item, por que motivo não se pode imprimir o voto? Pode ser naqueles papeis tipo bobina de cupom fiscal, hein??

Ate outro dia.

4 comentários:

  1. O fato de não poder votar em outra cidade acho que se deve ao fato de que cada ura está programada para cada seção. O comprovante do voto talvez encarecesse o processo. Mas concordo que pelo menos poderia ser enviado por email, dede que o eleitor quisesse. Seria uma sugestão ótima.

    ResponderExcluir
  2. Cada urna é carregada com os dados dos eleitores daquela seção.
    A urna não se conecta a rede, esse é um dos motivos da sua segurança, se a urna tivesse acesso a rede, aí sim seria muito vulnerável a ataques e invasões.

    Para que qualquer um pudesse votar em qualquer lugar, sem acesso a um banco de dados pela rede, seria necessário que todos os dados de todos os eleitores do Brasil estivessem carregados em todas as urnas, precisaria de um supercomputador pra isso.

    Além do mais, as urnas só são carregadas com os dados dos candidatos daquele local. Numa eleição federal isso não é grande coisa, mas imagine uma eleição municipal, além dos dados de cada eleitor, precisaria também carregar cada urna os dados de cada candidato a prefeito e vereador de cada município do país.

    O que eu imagino que seria mais viável é ampliar as possibilidades de voto em trânsito nas eleições federais, podendo solicitar para qualquer município, e ampliar um pouco o prazo, trazendo para mais perto das eleições, isso já facilitaria para muita gente. Mas pra eleição funcionar com segurança é preciso muito planejamento e controle, então dificilmente seria possível resolver na semana anterior onde votar.

    Eu trabalho na justiça eleitoral, então sei que o sistema é muito mais seguro e cheio de controles e segurança do que a maioria das pessoas imagina, então confio sim no sistema eletrônico, mas não sou da área de informática, como a maioria das pessoas não é, e acho que uma confirmação impressa poderia trazer mais confiança pro eleitor comum, podendo conferir em quem votou, e se o número de votos impressos bate com o número de votos registrado no Boletim de urna. O maior questionamento sobre o comprovante impresso, contudo, é que aumenta as possibilidades de violação de sigilo do voto.

    Mas enfim, acho o debate muito importante, pois a sociedade realmente está questionando a confiabilidade do sistema, e mesmo que essas desconfianças partam de boatos, de notícias maliciosas, obviamente é papel da justiça eleitoral responder a esse clamor, aprimorando o sistema para que seja sempre seguro (o que já acredito que é, mas precisa de constante aprimoramento), confiável (o que, tecnicamente é, mas o povo não é formado por técnicos, então é necessário que o sistema seja aprimorado para se tornar confiável também para os leigos) e fácil de usar (o que é, mas também precisa de aprimoramentos. Esse ano vimos vários casos de pessoas reclamando que a urna apresentava problemas, mas na verdade tentavam votar como se a urna fosse touchscreen, e acho que a tendência é aumentar, porque cada vez mais esse é o uso intuitivo).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que a Urna é mais confiavel que voto em cedulas.
      Acho que se a pessoa pudesse levar o papel pra casa, isso daria a ela uma especie de "prova".
      Muito obrigada pelo comentario, volte sempre.

      Excluir

- Regra geral: Bom senso.
- Siga-me no twitter: @iarana.